Milena brilha

Quem nunca se sentiu feliz ao ser reconhecido? Quem de nós pode dizer que não faz um bem danado quando se esforça em conseguir um bom resultado e recebe um merecido elogio. Na contra mão, o quanto é ruim quando damos tudo de nós, contribuímos com algo e ninguém nota ou pelo menos ninguém parece reconhecer ou acha que não fizemos o suficiente?

Agora imagina viver nesta situação de esforço não reconhecido, de falhas expostas diariamente, onde tudo o que você mais escuta é algo como: “não é assim que se faz”… Pois é assim mesmo para muitas crianças, jovens e adultos com autismo e por mais que eu deseje o contrário, é assim também para Milena.

Este final de ano foi muito intenso para a minha filha e consequentemente para mim e para minha família. Como disse antes, os desafios foram grandes, a necessidade de interagir cresceu muito e os instrumentos para a interação continuam falhos então a frustração foi se acumulando ao longo do ano.

Somando a isso Milena sofreu com o afastamento de coleguinhas da escola que ela tinha em alta conta, meninas que são muito queridas mas que talvez não compreenderam a sinceridade da Milena, a falta de filtro social, a falta de habilidade em manter diálogos e se engajar nas brincadeiras e se afastaram chegando ao ponto de não conversarem com ela, fugirem dela no recreio, rirem dela, o que fez a minha mocinha chorar e sofrer.

www.mundodami.com

www.mundodami.com

Ela me pediu ajuda, conseguiu comunicar sua frustração e mesmo não me contando os ocorridos diretamente conseguiu encontrar uma amiga (adulta) e conversar. Eu permaneci calma, dolorida mas procurando não ter dó dela para que ela se fortalecesse e tentando mostrar para ela que este é o mundo real, o que ela vai ter que enfrentar de um jeito ou de outro.

Eu acredito que ao lado de cada atitude ignorante (no sentido mesmo de quem não sabe direito o que faz) tem um gesto solidário e amoroso de outro alguém.

Daniel.002

www.mundodami.com

Mas também encontramos apoio, encontramos amigos novos e carinhas lindas e alegres a me dizer o quanto gostam da minha filha e como foi bom conviver com ela este ano. O carinho que sentimos é muito maior que todo o resto que machuca, por aqui esquecemos bem depressa o que magoa e ficamos para sempre com o que nos aquece o coração : ]

Mas voltando ao título e ao tema deste post, as apresentações deste fim de ano foram palco da expressão de competência da minha filha. Ela brilhou literalmente, quem a viu comentou da alegria e de como ela soube fazer o que tinha que ser feito. Acho que consigo mostrar um pouco disso nas imagens (vou postar um videozinho editado no final do post).

www.mundodami.com

www.mundodami.com

Na apresentação da escola ela enfrentou bravamente a ansiedade, o barulho das crianças, o desconhecimento da programação exata (que ela me cobrava a cada minuto), o medo dos fogos e uma chuva que apareceu justo na hora em que ela estava se apresentando. Seguiu a coreografia, quando perdeu um acessório do vestuário não se abalou, pegou no chão e segurou continuando a dançar como se nada tivesse acontecido…

www.mundodami.com

www.mundodami.com

Dois dias depois foi a vez da apresentação da patinação. As meninas que durante o ano acreditaram e conquistaram o coração da minha filha de forma absoluta, deram o nome ao espetáculo de: O sonho de Milena : ]

Ela conseguiu patinar no escuro, com luzes diferentes, o ambiente todo modificado pela decoração, depois de uma espera ansiosa de quase duas horas, falhas da sonorização e diante de um público imenso!!! E ela deitou-se no chão (fiquei impressionada), olhou para a plateia distribuindo beijos, sorrisos, ‘corações’ e todas as pessoas ao final vinham me parabenizar contagiadas pela alegria pura que ela conseguiu expressar e distribuir.

www.mundodami.com

www.mundodami.com

Foi emocionante ver a felicidade dela nestes dois momentos. Feliz, igual, no meio de todos, sendo aplaudida e totalmente incluída.

www.mundodami.com

www.mundodami.com

Não consigo deixar de ser a otimista e pensar o quanto é simples resolver todos os problemas relacionados à inclusão e o quanto falta de fato, apenas a aceitação de todas as diferenças humanas. Precisamos muito promover no nosso próprio coração esta aceitação, pois como dizem por aí, a mudança que queremos precisa começar em nós.

Fico tentando aceitar de fato quem pensa diferente de mim, aceito as meninas que riram e debocharam da minha filha, não as julgo e desejo que sejam felizes. Tento aceitar quem faz dieta para o filho autista e quem não faz, tento de verdade entender quem escolhe a terapia X e quem escolhe a Y, quem escolhe não vacinar, quem pesquisa a cura e quem acha que autismo não é doença para ser curado, quem pensa como eu e quem fala coisas que eu absolutamente não concordo. Tenho a minha própria posição, faço as escolhas mas não me atrevo a ter certezas nem me sentar na cadeira estática da verdade. Mas entendam bem, eu tento… nem sempre consigo mas espero de fato conseguir ser a pessoa que eu quero que todos sejam no mundo da Milena.

No final das contas o caminho para tornar as coisas mais fáceis é apenas um, o amor se manifestando em educação e respeito. Serão estas a meu ver as bases para um futuro mais fraterno. Se para este futuro alcançar a minha filha depender de fato de algo que eu faça, não há barreira capaz de me impedir.

É isso, bom compartilhar com vocês, obrigada por lerem. Feliz Natal para todos nós.

Post Anterior Próximo Post

Você também pode gostar

Sem comentários

  • Responder Luiza Coelho 19 de dezembro de 2014 at 13:35

    A Mi é linda por dentro e por fora! Ela nos ensina muito, mesmo à distancia (EAD hahaha)!
    Amei ver a apresentação e as fotos… como ela brilha né? Concordo!!! Uma estrela! E a mãe dela… o que dizer? Uma linda que nos transmite palavras de reflexão e inspiração… Também tô tentando ponderar mais tudo em relação ao mundo e principalmente ao autismo (assunto passional pra mim) e me envolvendo cada vez menos em polêmicas, doutrinando meu espírito! Quando vierem a Uberaba, me avisem… to morrendo de saudades de vc e quero saber os relatos da viagem!!!
    beijos Cris, amo vc!

    P.S: ameeeeeeeeeeeeeeeei o novo layout!!! Muito mesmo!!! Ficou a cara da Mi (e me identifico também pq amo roxo e várias coisas que a Mi curte).

    • Responder faustacristina 19 de dezembro de 2014 at 17:09

      Que bom Luiza que gostou! Muito importante a sua aprovação, profissional e emocional : ] Vamos estar aí na semana do Natal, quero muito ver vocês. Obrigada!!!

  • Responder Karla Coelho 19 de dezembro de 2014 at 14:09

    Amei o novo Layout do blog!!!! Que legal ler sobre as evoluções da Mi… quanto orgulho!!! Fiquei emocionada de ler sobre a apresentação!!! Que 2015 seja mágico e cheio de sonhos realizados!!! Beijos!

    • Responder faustacristina 19 de dezembro de 2014 at 17:10

      Obrigada Karla que assim seja para nós todos!!! Que bom que você gostou do layout, que bom! Espero que a gente se veja, estamos indo para Uberaba city : ]

  • Responder Rafaella Reis 20 de dezembro de 2014 at 13:08

    Ficou lindo o blog neste estilo adolescente, ficou o estilo sofisticado da Mimi! Fá, imagino como ela ficou feliz com essa apresentação, me machuca imensamente quando fico sabendo dessas situações em que ela é submetida na escola, que pena que as políticas públicas são tão desinteressadas na conscientização social, acredito que não apenas as crianças especiais perdem com isso, mas toda a sociedade, é muito importante que isso mude.
    Um beijo grande !!Amo você e a Mimi!!

    • Responder faustacristina 8 de janeiro de 2015 at 22:13

      Rafa que delícia quando alguém que eu amo tanto deixa um comentário. Que bom que gostou do novo formato, sua aprovação conta muito. Beijo irmã, amo que nos acompanhe também por aqui!

  • Responder Michele Luiz 31 de dezembro de 2014 at 11:03

    Parabéns, Cris! Que coisa mais linda a apresentação da Mi, Deus abençõe sua filha amada. Fiquei muito emocionada com o que vi e com suas palavras. Obrigada por existir e por estar compartilhando a caminhada de vocês conosco. Um excelente 2015 pra você e sua família e que sigamos fortes nos nossos propósitos de amor incondicional e de enriquecer este mundo com a pureza, a doçura e a luz de nossos filhos. Um grande abraço. Michele.

    • Responder faustacristina 8 de janeiro de 2015 at 22:15

      Querida Michele muito obrigada pelo carinho! Como é bom e como faz tudo valer a pena :] Hoje passei a tarde pensando, escrevendo preparando um novo post e nestes momentos sempre me questiono um pouco sobre tudo isso. Comentários como os seus e todo este carinho traz luz a esta questão. Li seu comentário há dias mas só agora, já em casa pude responder. Um beijo grande!

  • Responder MICHELA Harinck 8 de janeiro de 2015 at 19:23

    Ai Faustinha como nao amar a Mi ne?! Ta de parabens pela apresentador, por que imagino todo o stress que envolve se apresentar. Sorte dela ter voce por perto com todo esse amor. Admiro demais voces duas. Um grande beijo

    • Responder faustacristina 8 de janeiro de 2015 at 22:18

      Michela querida que maravilha uma amizade como a nossa ter tido raízes aqui no blog. Eu também sou sua fã e eterna torcedora da nossa Cami! Obrigada amada pelo carinho e tenha certeza que cada apresentação da Milena é um marco de vitória nas nossas vidas… no começo ela só ficava ali parada no palco e eu já vibrava, hoje em dia ver o quanto ela mesma fica feliz com suas conquistas é maravilhoso!

    Deixe seu comentário